César Neto: 8º mês de vida...

Nossaaaaaa, como o tempo tem passado rápido... meu príncipe já está com 08 meses de nascido, uma benção de Deus!!!

Curativo que a mamãe fez... 
Pra variar, muitos acontecimentos na vida de meu bb. Atualizando vcs, mês passado César passou pela sua 3ª cirurgia, e como foi dito, foi um sucesso pois o propósito dela era avaliar a válvula, foi trocada e já fizemos uma nova tomografia que indicou estar tudo no lugarzinho certo. Vou lhes relatar agora o pós operatório, houveram incidentes que me deixaram muito tensa. O César operou na sexta 27/04 e 28/04 teve alta. Uma semana depois em revisão com o neuro, os pontos foram retirados. Em um lugarzinho formou uma "casquinha", acho que por conta da pele frágil sendo suturada no mesmo lugar. Até aí tudo bem, o local ficou inchado mas da mesma forma que na ocasião da colocação da 1ª válvula, nada diferente. Só que no sábado 05/05 observei o travesseiro e a camiseta do César molhados, e com mais atenção verifiquei a cicatriz e me deparei com o local dodói sem a casquinha (provavelmente retirada pelo César dormindo) e creiam, gotejando líquor. Eu me desesperei, mesmo sabendo que Papai do Céu não permitiria nenhum mal ao meu pequeno, mas meu coração vacilou, entrei em pânico. Meu maior temor era infeccionar, eu só pensava em internação de novo e isso me apavora.... Liguei pro Dr. Luis antes das 06 da manhã e por telefone ele pediu que fizéssemos a higiene do local e mantivesse coberto com gase e ataduras. Foi um dia muito tenso, pois o neuro só estaria na cidade no domingo para ver Cesinha. Vou lhes contar um segredo: não sei lidar com situações como esta, machucados me afligem e lá estava eu, diante do meu bb gotejando líquido de sua cabecinha e tendo fazendo curativos com as mãos tremendo. Acho que só não desmaiei pq não me era permitida tal ação, mas acrescento que não foi nada fácil. O César se manteve normal, super zen como sempre, eu é que não sei lidar muito com esses revezes. Tivemos a ajuda da Tia Aninha (enfermeira daqui a uns dias) que aliviou fazendo alguns curativos bem mais perfeitos que os meus. Foram várias as vezes que trocamos os curativos pq Cesinha toda hora retirava, ele não estava nem aí... O sábado finalmente acabou e no domingo 06/05 voltamos ao hospital e o Dr. Luís suturou novamente o local. César chorou bastante, mas só na hora mesmo, acho que estava mais chateado com o "ficar quietinho" que com o procedimento propriamente dito. Ufa, depois de tanta agonia voltamos pra casa mais tranquilos.
Os dias se passaram e César gripou violentamente, muita secreção, respiração ruidosa, choramingos e indisposição. Lá vamos nós pra emergência de novo. Tomou nebulização e fizemos um raio X, lá estavam as temíveis secreções no pulmão e o diagnóstico de Bronquite. Antes da cirurgia ele havia gripado e tomou antibióticos por 10 dias. No dia em que foi operado estava ótimo, sem sinais de gripe. O médico plantonista me explicou que mesmo demonstrando boas condições de saúde e tendo tomado remédios, o seu organismo não estava 100% ainda. Quando foi exposto ao hospital, centro cirúrgico, anestesia geral, tudo isso ocasionou uma baixa em sua imunidade, daí a gripe se apresentou tão forte. Mais uma rodada de antibióticos e graças a Deus sua recuperação foi muito boa. Os novos pontos foram retirados com tranquilidade, o inchaço está sumindo gradativamente e meu bbzão goza de muita saúde.

Quis contar todos esses "casos" para lhes dizer que imprevistos acontecem e não devemos nos desesperar. Meu pequeno já passou por tantas coisas em sua vida que só ele mesmo com seu sorriso maroto para ficar relaxado, pq a mamãe aqui, graças a Deus que não é cardiopata, são muitas emoções...

Só de sorrisos com a sua "bó bó" Janete
Boas notícias: Cesinha está balbuciando mã mã, pá pá e bó bó. Só vendo as caras e bocas que faz ao pronunciar as sílabas. Está tentando falar outras coisas mas não entendo nada. Em relação ao seu desenvolvimento, se mostra cada vez mais interessado com as coisas ao seu redor, se esforça muito pra pegar objetos próximos a ele, quando deitado consegue virar apenas o tronco e com muita dificuldade puxa as perninhas com movimentos do quadril. Já fica sentadinho sozinho, mas em intervalos curtos. Não quer saber de se encostar nas pessoas ou travesseiros, quer ficar ereto e vira e mexe, cai pra frente, não tem jeito. Em relação à eliminação de sua caquinha, estávamos fazendo uso de supositórios somado à uma alimentação focada em propriedades laxantes. Sugestão de sua pediatra, começamos a fazer uso de um medicamento chamado Stimulance Multi Fiber 6, é um mix de fibras de origem natural que auxilia o funcionamento do intestino. Eu gostei e achei mais eficiente, no caso de César, que o supositório glicerinado.   A caquinha está sendo eliminada com mais facilidade, ele não tem chorado, e até a textura e forma melhoraram. Eu acho traumatizante o uso de supositório... Em relação à urina, continua fazendo bastante xixi e não há sinais de qualquer tipo de infecção. No final do mês iremos de fato, dar início ao tratamento no SARAH e lá será feito exames específicos para avaliar seu sistema urinário. No mais meus queridos(as) tudo lindo!

Dudu e Cesinha: meus amores


Desculpem o "jornal", mas com tantos acontecimentos, a correria do dia-a-dia, retomei minhas aulas na UEFS, o trabalho intenso, fisioterapia e médicos de César, cuidar do lar e família, enfim, tá é difícil arrumar tempo, mas na medida do possível, estarei postando os acontecimentos!!!

Um grande abraço ;)

Tô de bem com a vida!!!!

Comments
One Response to “César Neto: 8º mês de vida...”
  1. Preta says:

    Oi Marcela! Eu imagino o choque que tu levou quando percebeu que era o liquor que estava gotejando... de alguma forma eu revivo os sustos que passei com o meu Dudu. É assim mesmo, a gente fica APAVORADA... o coração parece que vai sair pela boca e ao mesmo tempo não podemos passar pra eles nosso nervosismo não é mesmo? Graças a Deus que eles são tranquilos, o meu até hoje é assim... Esse amor que o César tem em volta dele vai fazer ele crescer com confiança e coragem...
    FORÇA querida! Porque a luta é grande mas nosso DEUS é bem maior!!! E a nossa maior recompensa estão nas fotos que tu postou, o sorriso lindo de uma criança feliz e muito amada. Os filhos especiais tem esse nome por tudo que eles acrescentam em nossas vidas, pelo exemplo diário e pela força de vontade que eles nos mostram que têm!Pena que nem todas as pessoas saibam disso!
    A companhia presente e o carinho do teu Dudu com o César é outra benção de Deus, porque eles vão crescer bem unidos. Os meus se dão super bem, são atenciosos com o irmão e o Dudu é louco pelos irmãos tbm, com certeza isso tudo contribui para o bem estar dos nossos filhos.
    Um beijo enorme e fiquem todos com Deus!
    Preta

Leave A Comment

Tecnologia do Blogger.